segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Saudades

Saudade calada,
Malvada,
Toca no meu peito,
sem respeito,
nem sei se aguento,

Saudade amarga,
arranha garganta,
se disfarça na musica de quem canta,
não cura com a lembrança,

Saudade rara,
é perfeita,
faz sorrir ma lembrança,
do amor que é feliz,

A melhor escola

Raro momento,
sucumbi a desventura,
não me lamento,
aprendi por tortura,
a me levantar,
e não acreditar,
que o amor fará tudo mudar,
pois as pessoas são o que são,
e sempre serão,

De verdade,

meia verdade,
não é verdade,

A verdade é completa,
frases pela metade,
não são sinceridade,

Não confio,
onde não há sinceridade,

sábado, 19 de dezembro de 2009

Amizade superficial,

Amigos de verdade são poucos,
a maioria loucos,
únicos que são eles mesmos,
sem pensar na opinião dos outros,
só confio menos, naqueles porcos,
que procuram rótulos, inúteis,
tão fúteis,
tem opinião de contexto,
caminham na mão da cobiça,
valem menos que suas mães meretrizes,

Livre

Estou aqui pronto para te dizer,
que nada mais é possível acontecer,
eu não vou te esquecer,
Agora estou livre,
é só você e eu,
Estou livre pra você,

Vou te conquistar,

Euuu... não sei... por quanto tempo te esperei,
nos meus sonhos você sempre apareceu,
meu bem, você é meu querer,
Minha gata! Minha musa!
A deusa do meu mundinho,

Eu vou te conquistar,
Te fazer minha mulher,
Esquentar meu sangue latino,

Ti quero,
em qualquer lugar a qualquer momento,
Ti quero,
em qualquer lugar a qualquer momento,

Na solução dos meus sonhos, nas nuvens eu vou te amar,
meu bem, você é meu querer,
Minha gata! Minha musa!
A deusa do meu mundinho,

Para mãe

Sem drama,
Por nove meses me aturou,
Ela me ama,
Nem mesmo se zangou,
Quando a fiz sofrer de dor,

Para o natal

Mais uma vez brota a luz do natal
Sem lorota, Papai Noel existe,
Ele só caduca, mas é normal,
Esquece o presente dos pobres,

Para Menina

Menina que me anima,
Sussurra no meu ouvida que me ama,
Nem sempre diz,
Mas sempre me quer na cama,
Como uma flor de lis,
Abre um sorriso,
E me faz feliz

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Autópsia de um amor, parte 15, FINAL, A morte do meu amor

Se está começando a ler comece pela parte 1 link: http://nossosversos.blogspot.com/2009/11/autopsia-de-um-amor-parte-1-o-motivo.html

Por todo esse tempo que tinha se passado, eu não imaginava que um amor tão perfeito, que nossos planos e sonhos, poderiam se acabar, sempre acreditei que era tão perfeito, sempre quis que tudo acontecesse, por minuto algum a trai.
O difícil é entender que tem coisas que estão fora do meu alcance, que alguns planos já foram traçados por Deus.
É incrível como uma pessoa em um tempo tão curto é capaz de mexer tanto com uma pessoa, Afrodite me mostrou um mundo de amor que eu nunca tinha visto, um sabor que jamais tinha experimentado, carinho que eu necessitava muito e não sabia, um brilho que me fez acreditar em anjos, em fim uma pessoa que mudou minha vida para muito melhor,
Eu não queria chegar a esta parte, pois é a mais triste, a mais difícil, ainda dói no meu peito quando lembro do rosto dela. Por lástima do destino, em uma noite chuvosa, em uma estrada molhada, na volta para casa, meu amor se foi em um acidente de carro, Afrodite foi tirada de mim, enviada para o colo de Deus.
Hoje não acredito mais no amor, se ele realmente existisse não estaria aqui procurando motivos para viver. Se é para amar e sofrer tanto depois como eu sofro hoje.
No final o amor é uma droga, que te vicia, e cada dia você quer mais, e quando tudo acaba você está acabado.
De hoje em diante eu vivo o resto do fim dos meus dias.
FIM

Autópsia de um amor, parte 14, Os planos perfeitos

Nossas conversas era cheias de planos, o principal deles era nos encontrar, claro que encontrar envolvia faculdade, família e financeiro, mas em nossos sonhos tudo era possível.
Em sensação melancólica, eu falo hoje, que deixei para trás todos meus planos perfeitos, descobri da pior forma, que os planos perfeitos não existem, o que tenho é a sensação de falta de uma justiça divina. Mas quem entende quais são os planos de Deus, apenas que eles são perfeitos.
Brincávamos de como seria o dia de nos conhecer pessoalmente, se eu iria apenas sorrir, se ela iria ficar encabulada, se nossa timidez iria permitir que fossemos nós mesmos, como seria o primeiro beijo, o calor de cada pele.
Falávamos em forjar algo grava, como um acidente para obrigar o outro a visitar.
Sonhar é bom, mas sonhos sem ação, não muda nada.

Autópsia de um amor, parte 13, Amor platônico

Amor verdadeiro, amor sem interesse, amor perfeito. Platão, um filoso grego, foi quem definiu o amor platônico, que seria o amor mais puro que pode existir, o amor de querer o bem da amada mais que o próprio.
Esse amor era o que eu senti por Afrodite, fazia de tudo para estar sempre disponível para ela, sempre a tratava com carinho.
Mesmo quando não tinha tempo para nada, eu criava tempo para ela, pensando na sua felicidade.

Autópsia de um amor, parte 12, Quem ama trai?

Não existe plano perfeito, nem mesmo mentira perfeita,
Uma das coisas que mais me magoa é quando alguém que eu confio muito mente para mim. A mentira é como uma traição, não importa seu tamanho ou motivo, mentira é mentira, é o desejo de não mostrar a verdadeira face.
Quando nos entrelaçamos com sentimentos tão fortes como o amor, acreditamos que tudo é verdadeiro. Porém qualquer fio de mentira é capaz estremecesse ou até desmoronar o amor.
E como um punhal em minhas costas, veio a mentira, atravessou meu peito, desmoronou de uma vez por todas todos meus sentimentos.
A mentira não era das mais tenebrosas e repulsivas, mas era uma mentira.
Dúvidas me rodeavam:
Quantas vezes mais poderia mentir para mim?
Por que mentir em motivos tão bobos?
A verdade é que nosso amor era perfeito, e o perdão é divino, e ficaria mais magoado se acabasse tudo.
Então a perdoei, sem rancor, sem magoa, sem pensar em vingança.
Minha sinceridade é e sempre foi meu ponto mais forte, as vezes falo a verdade quando não deveria, no fundo eu queria que todos fossem igual a mim, nunca mentissem, não tivessem medo de falar a verdade. 

sábado, 5 de dezembro de 2009

Felicidade

Onde se encontra a felicidade?

Meditei por horas na beira da praia,
com as ondas tocando meus pés descalços,
e a brisa acariciando minha pele.
E não encontrei a resposta.

Caminhei sem rumo pela multidão,
perguntei a todos que eu via,
ninguém me respondeu.

A noite me deitei na cama,
relaxado com os olhos fechados,
esperei por uma resposta divina,
e apenas adormeci.

Ao acordar eu finalmente entendi,
A felicidade não se encontra,
a felicidade não está visível aos nossos olhos,
a felicidade não é palpável,

A felicidade está dentro de cada um de nós,
dentro de cada coisa que temos de bom,
envolvida em cada coisa que fazemos de bem,
em admitir que temos nossas fraquezas,
em descobrir como utilizar nossas virtudes,
para ajudarmos uns aos outros em suas fraquezas,
e em fim deixarmos a individualidade de lado,
e agir na forma de uma grande equipe¹,
a favor de uma equipe melhor.


¹ Entenda “equipe” como preferir, família, amigos, paixão, sociedade,
mundo...

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Autópsia de um amor, parte 11, Amor que poderia acabar com as dores do mundo

Meu amor é lindo, meu amor é puro, meu amor é bom, meu amor quer o bem, não importando o que receba de volta.
Pode parecer exagero, mas é o que eu penso, no auge do nosso amor, eu sentia que não havia nada melhor para mudar qualquer pessoa, do que um amor tão grande quanto o nosso.
Eu falava que se todos tivessem um amor como o nosso, as pessoas não pensariam em brigas, guerras e outras coisas ruins. Alguns vão dizer que é mais algum daqueles meus ideias que nunca vão se concretizar, mas alguém já imaginou poder vender pilulas de amor, apenas paz e amor no mundo, quem dera se todos pudessem trocar o ódio e rancor dos seus corações por amor.
Sim é muito mais fácil extravasar nossas dores e diferenças com a raiva, porém o caminho mais fácil normalmente não é o mais feliz.
Quando estavamos juntos o tempo parava e todas as dores do mundo não faziam sentido, era todo amor e perfeição. Queria poder ser inteligente o suficiente para poder fazer um passo-a-passo de como me sentir tão feliz, mas para isso teria que estar disposto a me arriscar novamente em um mundo que apenas as emoções mandam em você.